Belly Mapping

Olá! Nesta postagem vamos trazer informações sobre o Belly Mapping que consiste em uma técnica de Mapeamento da Barriga. 

 O que isso significa?

A técnica mostra a posição que o bebê se encontra dentro do útero através de um desenho feito na barriga da mãe, para que assim, seja visualizado pela gestante e por toda a família. 

Isso proporciona o prazer de olhar o bebê de forma lúdica e artística através de uma pintura da Barriga, deixando registros antes do nascimento e contribuindo para a segurança e apreciação do corpo, pela mulher, ainda durante a gravidez. 

Sentir o bebê crescer e se desenvolver é uma sensação única. Cada mulher tem sua experiência e de forma individual sentem seus filhos, ainda no útero, se acomodarem em posições diversas, além dos chutes e pulos. O avanço da tecnologia andou lado a lado com as Gestantes possibilitando cada vez mais a visualização dos bebês e as posições que eles se encontram através de ultras e outros exames de imagem. 

No entanto, a técnica do Belly Mapping proporciona maior conhecimento da mulher com seu próprio corpo e ainda contribui para sua interação com seu filho de forma íntima e divertida ainda antes do nascimento.  

COMO É FEITO?  

Para que o desenho possa ser feito, primeiro, o profissional capacitado (doula, enfermeira obstétrica, médico obstetra, parteira) realiza a Manobra de Leopold, que é uma técnica de palpação da barriga para identificar a posição do feto (bebê) dentro do útero. Muitas vezes, também aproveitam esse momento para ouvir o coração do bebê com um aparelho chamado Sonnar. Esta manobra pode ser realizada a partir de 28 semanas (terceiro trimestre), momento em que a posição é melhor percebida.  

Após a identificação da posição do bebê a pintura pode ser feita e a arte é realizada de acordo com as cores favoritas da Mãe e da família. Pode acompanhar a decoração do chá-de-bebê, do quartinho ou qualquer outro tema escolhido pela família .  

O processo de pintar a barriga, além de ser um momento de conexão com o bebê, contribui para o reconhecimento e empoderamento da gestante para com seu próprio corpo, permite o esclarecimento para a mãe e a família a respeito da posição do bebê, ajuda a combater a ansiedade e trabalha o estado psicológico da mãe, muitas vezes, funcionando como um processo de “despedida” da barriga.  

Atenção: O mapeamento da barriga (Belly Mapping) não substitui a recomendação da realização de nenhuma ultrassonografia.  

Qualquer dúvida sobre este ou outro tema, nos escreva! 

Referências bibliográficas

BRASIL, Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Atenção Básica. Atenção ao Pré-Natal de baixo risco. Brasília: editora do Ministério da Saúde, 2012. (Série A. Normas e Manuais Técnicos – Cadernos de Atenção Básica, nº 32. 

TULLY, Gail; CORREA, Laura; FONSECA, Luciana Carvalho. Guia prático de Belly Mapping: Descobrindo a posição do bebê na barriga pelo tato. Parto com Prazer. ed. rev. [S. l.]: Ema Livros, 2016. 128 p. ISBN 978-85-67695-04-4. 

Texto produzido pela Acadêmica de Enfermagem Beatriz Valim Egito do Amaral e Profª Drª Cristiane Rodrigues da Rocha.

Publicado por Dra. Cristiane Rocha

Professora Doutora do Departamento de Enfermagem Materno-Infantil da Escola de Enfermagem Alfredo Pinto da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro. Especialista em Obstetrícia pela UFRJ e Especialista em a Moderna Educação pela PUC.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: